Coronavírus: Rock in Rio 2020 adiado para o próximo ano

0

Em virtude da recente situação de pandemia que atravessa o mundo, a organização do Rock in Rio anunciou hoje o reagendamento da 9ª edição para 2021. Marcada inicialmente para os dias 20, 21, 27 e 28 de junho deste ano, no Parque da Bela Vista, em Lisboa, a 9ª edição do RiR passou para os dias 19, 20, 26 e 27 de junho de 2021.

Ler também:

Rock in Rio Lisboa: 2020 começa agora!
Rock in Rio Lisboa: 2020 começa agora!. Foto: Actigamer

O Rock in Rio, que se realiza tradicionalmente nos anos pares, terá excecionalmente duas edições seguidas em Portugal, em 2021, devido ao reagendamento da 9ª edição, e em 2022, com a 10ª edição.

Em 2022 estaremos de volta para a 10.ª edição, não deixando sequer espaço para a saudade e retomando a festa ‘nos anos pares’, confirmou Roberta Medina, vice-presidente do Rock in Rio.

A decisão de reagendar a edição deste ano foi tomada após a avaliação de várias alternativas, “que nos possibilitem continuar a levar a alegria às pessoas, criando momentos inesquecíveis”, explica Roberta Medina, no entanto “todas implicariam retomar as montagens da Cidade do Rock num momento que acreditamos ainda não ser favorável (maio)“.

Bilhetes continuam válidos

A organização explicou que os bilhetes já adquiridos continuam a ser válidos para as novas datas, ficando os dias em aberto até confirmação do cartaz.

Em relação aos artistas convidados, não houve confirmação que serão mantidos, no entanto, “iremos aguardar pelo levantamento do estado de emergência para partilhar outras informações dirigidas aos portadores de bilhetes, assim como novidades relativas a cartaz“, informa Medina.

O cartaz para a edição deste ano, incluíam nomes como: Post Malone, Foo Fighters, The Black Eyed Peas, The National, Duran Duran, A-ha, Anitta, Bush, e Camila Cabello, que já tinha anunciado o adiamento da digressão, onde estava incluída a participação no Rock in Rio Lisboa.

Até lá, o nosso desejo é apenas um: vamos continuar a sorRiR! Porque é sorrindo que vamos vencer mais essa e é sorrindo que, todos juntos, iremos voltar a aproveitar a música, o entretenimento e a cultura, num futuro próximo, concluiu Roberta Medina.

Actigamer